SBD organiza live para discutir manifestações dermatológicas na Covid-19



SBD organiza live para discutir manifestações dermatológicas na Covid-19

22 de maio de 2020
sbd-live.jpeg

Como forma de esclarecer dúvidas sobre sinais e sintomas na pele e a Covid-19, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) organizará no próximo dia 26 de maio (terça-feira), a partir de 19h, uma atividade online voltada à discussão sobre possíveis manifestações cutâneas relacionadas à doença. Será mais uma Live SBD oferecendo aos associados informação e conhecimento úteis à atividade profissional. 

Nesse encontro virtual, os participantes poderão interagir com os professores Paulo Ricardo Criado, pesquisador Pleno da Pós-Graduação do Centro Universitário Saúde ABC (FMABC) – SP e coordenador do Departamento de Medicina Interna da SBD, e Hélio Miot, professor da Unesp, em Botucatu, e coordenador Científico da SBD. A moderação do debate ficará sob a responsabilidade de Sergio Palma, presidente da entidade. 

Desde o início da pandemia de Covid-19, a SBD tem estimulado suas diferentes áreas a produzirem trabalhos que auxiliem os dermatologistas na sua tomada de decisões. Além de documentos e notas informativas a respeito de outras temáticas, a Sociedade já produziu e encaminhou aos associados dois artigos de revisão de literatura científica sobre a possível relação de sintomas e sinais na pele com a contaminação pelo coronavírus. 

Diagnóstico – “Neste momento, o estimulo à pesquisa e à investigação científica, conduzidas com rigor e método, é fundamental. Somente, assim poderemos ter a percepção clara do que é Covid-19 e de seu impacto sobre a saúde dos indivíduos. Inclusive, no que se refere às manifestações cutâneas, com a avaliação da existência ou não de associação e de relação causal entre coronavírus e lesões dermatológicas”, disse Sergio Palma.

Nesse sentido, o presidente da SBD estimula os dermatologistas a documentarem com fotos, exames, biópsias e relatos – peças importantes para a elucidação diagnóstica – todos os casos de pacientes com manifestações cutâneas, independentemente de estarem em unidades de atendimento específico para Covid-19. Assim, lembra, será possível produzir conteúdo útil ao aperfeiçoamento da assistência e ao avanço científico.

Com a interação, durante a Live SBD, um grupo maior de especialistas se familiarizará com questões como a prevalência das lesões cutâneas e sua associação com gravidade e temporalidade da doença, levando-se em conta diferentes grupos populacionais, no Brasil e no mundo. 

Essa será a terceira live realizada pela SBD em maio. No dia 7 de maio, a entidade convidou o 1º vice-presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Donizetti Giamberardino, para falar sobre os desafios no uso dos recursos da telemedicina durante a pandemia. Também foram abordadas as perspectivas de regulamentação da norma do conselho que trata sobre o assunto. “A partir de agora, ofereceremos esse recurso interativo com mais frequência”, afirmou Sergio Palma, indicando a ação como um compromisso da Gestão 2019-2020.

Para participar do webinar gratuito, acesse: https://sbd.manoleeducacao.com.br/.





SBD

Sociedade Brasileira de Dermatologia

Av. Rio Branco, 39 – Centro, Rio de Janeiro – RJ, 20090-003

Copyright Sociedade Brasileira de Dermatologia – 2021. Todos os direitos reservados