Campanha Dezembro Laranja 2019 enfoca os sinais do câncer da pele



Campanha Dezembro Laranja 2019 enfoca os sinais do câncer da pele

6 de dezembro de 2019
dezembro-laranja-10.png

JSBD – Ano 23 – N.05

Além de promover um movimento de conscientização para o controle do câncer da pele desde a infância, a campanha Dezembro Laranja deste ano visa chamar a atenção sobre os sinais da doença para diagnóstico e tratamento precoces. Atentar para pintas ou sinais que mudam de tamanho, forma e cor, e procurar ajuda especializada o quanto antes aumentam as chances de cura na maioria dos casos. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), são diagnosticados 180 mil casos novos da doença, anualmente. É o câncer mais incidente no país em ambos os sexos, sendo que os homens apresentam risco maior de ter a doença. Todos os tipos de câncer são tratados de forma integral e gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Temos um problema de saúde pública, e a SBD transformou esse problema numa ampla campanha de combate ao câncer da pele por meio do Dezembro Laranja, mês de conscientização sobre a doença”, explica o presidente da SBD, Sérgio Palma. Segundo o médico, a Sociedade Brasileira de Dermatologia mantém seu comprometimento para reduzir a ocorrência e a mortalidade por meio de ações de conscientização por todo o país.

Este ano, a principal peça publicitária da campanha é um filme que conta a história de luta e superação do Mário, do Hélio e do Ricardo, pacientes de diferentes tipos de cânceres da pele: carcinoma basocelular, carcinoma espinocelular e melanoma, respectivamente. Segundo o coordenador nacional do Dezembro Laranja, o dermatologista Elimar Gomes, “quase 90% dos casos existentes são de carcinomas. Esses tumores têm letalidade baixa, mas provocam cerca de 1.900 óbitos a cada ano no Brasil. Menos comum, o melanoma é o tipo mais agressivo e, por esse motivo, causa mais de 1.700 óbitos anualmente. Conhecemos a origem da doença e sabemos que é possível preveni-la; por esse motivo a conscientização pública é uma das formas de reduzir o número de casos”, enfatiza o médico.

Entre as iniciativas, estão divulgações nas plataformas digitais (Facebook, Instagram, Youtube e site) marcadas com as hashtags #DezembroLaranja e #SinaisdoCancerdePele. O público pode se engajar na campanha e compartilhar nas redes sociais, customizando a foto de perfil e as publicações da SBD, por exemplo. Assim como nos anos anteriores, personalidades participarão do movimento vestindo a cor laranja e monumentos nacionais serão iluminados com a cor símbolo da campanha, frisando o compromisso com a prevenção e o diagnóstico e o tratamentos precoces.

Em 2019, uma das ações que assume maior relevância ocorrerá no dia 7 de dezembro, quando cerca de quatro mil médicos dermatologistas e voluntários prestarão atendimento gratuito para diagnóstico do câncer de pele. As consultas serão realizadas em cerca de 130 postos espalhados pelo Brasil. Este mutirão de consulta é realizado pela SBD desde 1999 e já beneficiou mais de 600 mil pessoas. Este ano, na 21ª Campanha Nacional de Prevenção do Câncer da Pele da SBD, a previsão é de que 30 mil pessoas sejam beneficiadas pela iniciativa.  

O Dezembro Laranja 2019 conta com patrocínio da L’Oréal, Johnson & Johnson e Mantecorp. Também há outras parcerias privadas que se uniram ao movimento em prol da vida. A participação de parceiros nessa campanha evidencia a centralidade das questões de saúde no entendimento do modo contemporâneo de vida.

 

 





SBD

Sociedade Brasileira de Dermatologia

Av. Rio Branco, 39 – Centro, Rio de Janeiro – RJ, 20090-003

Copyright Sociedade Brasileira de Dermatologia – 2021. Todos os direitos reservados