Universidade de Taubaté (Unitau) e Santa Casa de São José dos Campos




3 de fevereiro de 2020 0

JSBD – Ano 23 – N.06 – 01 – DEZEMBRO-FEVEREIRO

De 19 a 23 de fevereiro, Londres sediou o primeiro Congresso Global sobre Epidermólise Bolhosa (EB World Congress 2020). O médico dermatologista Samuel Mandelbaum esteve presente no encontro representando o Dermacamp, o Serviço de Dermatologia da Universidade de Taubaté e o Serviço da Santa Casa de São José dos Campos. Durante cinco dias, 730 pesquisadores e cientistas de 55 países discutiram minuciosamente os aspectos dessa complexa e rara genodermatose, que hoje engloba 34 subtipos. O evento foi promovido pela Debra International.

“Muitas pesquisas estão em fase 3, e em dois anos os primeiros tratamentos efetivos para uma das doenças mais complexas da medicina devem estar disponíveis. Terapias genéticas, colágeno recombinante, imunobiológicos para o câncer metastático, losartana oral e tratamentos tópicos com derivados vegetais estão entre as novas possibilidades terapêuticas para uma doença que até poucos anos só contava com cuidados locais”, detalha Mandelbaum.

Troca de experiências
Ao longo do encontro, o médico fez uma visita ao RDC Rare Diseases Centre do Guy’s & St. Thomas Hospital, que possui um setor especialmente adaptado para acolher e atender pacientes com epidermólise bolhosa e suas famílias. São 480 pessoas com epidermólise bolhosa no Reino Unido atendidas por equipe multiprofissional e multidisciplinar em ambientes acessíveis, climatizados e protegidos. “Os enfermeiros especialistas em dermatologia representam papel fundamental no atendimento à EB no Centro de Doenças Raras. Nossa visita foi muito proveitosa para incrementar a troca de conhecimentos e trazer a experiência inglesa para os nossos pacientes com EB no Brasil”, disse Samuel Mandelbaum. Psicólogos, fisioterapeutas, médicos oftalmologistas e oncologistas trabalham sob a direção da médica dermatologista e professora de Dermatologia no St. Thomas Hospital, Jemima Mellerio. A Dermatologia do St. Thomas faz parte do King’s College of London e é chefiada pelo Prof. John McGrath.

Na primeira foto estão os médicos Samuel Mandelbaum e a Kattya Mayre-Chilton, coordenadora dos Grupos de Trabalho da DEBRA sobre os CPG Clinical Practice Guidelines, Na outra, estão a chefe do RDC (à direita), Profa. Jemima Mellerio, ao lado dos enfermeiros especialistas em dermatologia do Centro de Doenças Raras.


30 de janeiro de 2020 0

JSBD – Ano 23 – N.06 – 01 – DEZEMBRO-FEVEREIRO

O Instituto de Dermatologia Prof. Rubem David Azulay da Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro durante o período do recesso fez uma reforma completa das suas fachadas e, internamente, construiu mais uma sala no Setor de Cosmiatria. Na foto, está a pós-graduanda do terceiro ano, Lara Tusset, atendendo a uma paciente na nova sala.

O chefe do Serviço, o médico dermatologista David Azulay, informa que foi concluído o processo seletivo dos novos alunos que iniciarão o nosso Curso de Pós-Graduação em 2020 que está sob coordenação da Profa. Regina Schechtman. “Uma das grandes características da instituição é ser cosmopolita e isso, mais uma vez, se confirmou. Os alunos selecionados são oriundos das mais diversas localidades como: Rio Grande do Norte, Piauí, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Espírito Santo, Bahia, Brasília, Minas Gerais, Estado do Rio, Colômbia, Chile, Bolívia e Equador”, disse Azulay.

 

 


30 de janeiro de 2020 0

JSBD – Ano 23 – N.06 – 01 – DEZEMBRO-FEVEREIRO

O Serviço de Dermatologia do Hospital das Clínicas da UFMG, além de referência no tratamento da dermatite atópica, se destaca pelo projeto de extensão criado em 2004 por intermédio do Grupo de Apoio às Crianças com Dermatite Atópica coordenado pela dermatologista pediátrica, Cláudia Márcia de Resende Silva. O grupo, com suas reuniões mensais, tem-se mostrado extremamente enriquecedor para todos os envolvidos no cuidado do paciente atópico. Além de dermatologistas e residentes, é composto por psicólogos, e dividido em dois grupos, um de crianças de colo e seus acompanhantes, e o outro de crianças já com certo grau de independência. “Por proporcionar a troca de experiências, o grupo mostra que as crianças não passam por esse momento sozinhas. De uma forma didática, elas aprendem a cuidar da pele e percebem que sua participação é importante no controle da doença”, afirma a médica.

Para comemorar os 15 anos de atividades, o projeto criou um jogo, que de forma leve e divertida ensina crianças com dermatite atópica a cuidar da pele para que o tema não seja mais uma fonte de atrito ou preconceito. O jogo é formado por uma trilha onde cada criança é representada por um pino colorido. Durante a caminhada, quem cuida da pele de acordo com as recomendações, pula várias casas para frente. Quem não cuida, tem que voltar algumas casas. Vence o jogo quem chega ao final primeiro. A ideia, que tem sido muito bem sucedida, é reforçar os ensinamentos de uma maneira lúdica, sobre os cuidados necessários e essenciais para as crianças atópicas.


30 de janeiro de 2020 0

JSBD – Ano 23 – N.06 – 01 – DEZEMBRO-FEVEREIRO

O Serviço de Dermatologia da Faculdade de Medicina Nova Esperança participou do Dezembro Laranja em dois momentos de atendimento: um no dia 6 de dezembro, no Centro de Saúde Nova Esperança, em Bayeux (PB), município vizinho a João Pessoa; e o outro no dia 7 de dezembro, como posto de atendimento da Campanha da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), no Centro de Saúde Nova Esperança em João Pessoa (PB). “Dessa forma, conseguimos atingir população de diferentes localidades, levando informação e atendimento adequados”, ponderou a chefe de Serviço, Luciana Trindade.


10 de dezembro de 2019 0

JSBD – Ano 23 – N.05

Em 9 de novembro de 2019 a Santa Casa de São José dos Campos realizou a primeira Jornada Dermatológica do Serviço de Dermatologia. O mais novo Serviço Credenciado paulista ofereceu aos médicos dermatologistas do estado de São Paulo a oportunidade de examinar e discutir casos dermatológicos com pacientes ao vivo. Casos raros de histiocitose cefálica benigna e de síndrome de Noonan foram diagnosticados.

Participaram do curso os professores Helena Muller, Ival Peres Rosa, além do vice-presidente da SBD, Mauro Enokihara, que ministrou aula sobre o melanoma subungueal, e do dermatologista Sílvio Alencar, que deu o Curso de Micologia Médica aos residentes da Santa Casa de São José dos Campos e da Universidade de Taubaté.

“Nossos agradecimentos a todos; parabéns aos colegas assistentes Adriane Volkmann, Juliana Emi Ujihara, Larissa de Oliveira Souza Beltrão, Mairam Steffen, Rodrigo Ieiri e às médicas residentes Daniele Satomi Araujo Tamashiro, Graziela Marcolino Mazzi, Jéssica Machado Mota Fernandes, Camila Melo Borges Crosara, Cândice Mariah Mazzarolo Marques e Mariana Queiroz Batista Fachin pela seleção e apresentação dos pacientes”, congratula o chefe do Serviço, Samuel Mandelbaum.

Legenda foto: Os dermatologistas Helena Muller e Silvio Marques recebem lembrança da cidade, a miniatura em vidro da árvore projetada atrás, a maior Samanea saman do Brasil, com 40 metros de diâmetro

 

 


10 de dezembro de 2019 0

JSBD – Ano 23 – N.05

Professores e alunos do Serviço de Dermatologia da Universidade de Taubaté tiveram presença marcante da Radesp 2019, realizada em outubro, em São Paulo. Além de palestra sobre o Dermacamp, ministrado pelo chefe do Serviço, Samuel Mandelbaum, três trabalhos foram premiados: Isabella Baltazar, com a Melhor Foto; Mariana Tressino, primeiro lugar no Trabalho de Investigação em Dermatologia Pediátrica sobre vitiligo na infância; e Isabella Baltasar, primeiro lugar no Trabalho de Investigação − Dermatologia Cirúrgica sobre tratamento das queilites actínicas com terapia fotodinâmica daylight.

“Esses prêmios refletem toda a dedicação e os estudos de todo o grupo de professores e residentes do Serviço de Dermatologia do Departamento de Medicina da Universidade de Taubaté. Parabéns a todos!”, comemora o dermatologista Samuel Mandelbaum.


10 de dezembro de 2019 0

JSBD – Ano 23 – N.05

A dermatologista Ana Elisa Kiszewski Bau acaba de assumir a chefia do Serviço de Dermatologia ISCMPA/UFCSPA. A Dra. Ana é professora-associada de dermatologia na Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e coordenadora da Unidade de Dermatologia Pediátrica da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre.

O Serviço anuncia que a aluna de especialização em Dermatologia Letícia Dupont, com o trabalho "Celulite por Vibrio vulnificus", venceu o prêmio de melhor caso apresentado na 3ª Jornada Multisserviços e no 2o Simpósio Gaúcho de Terapêutica Dermatológica, nos dias 16 e 17 de agosto, em Porto Alegre.

 


6 de agosto de 2019 0

JSBD – Ano 23 – N.03 – 04

Criado em 2016 e credenciado pela SBD em 2017, o Serviço de Dermatologia da Santa Casa de São José dos Campos recebeu recentemente o aparelho de fototerapia UV-B narrow band, que irá beneficiar os pacientes locais do SUS que apresentem psoríase, vitiligo e dermatite atópica. Passa a realizar também dermatoscopia corporal digital com mapeamento para pacientes com nevos e história de melanoma. Semanalmente o Serviço promove dez cirurgias oncológicas com retalhos para câncer da pele, referências para a cidade e região.
 
“Estamos em plenos preparativos para realizar a nossa 1a Jornada Dermatológica e a 4a Reunião Científica do Serviço de Dermatologia. No dia 8 de novembro, teremos Curso de Micologia com Prof. Dr. Silvio Marques da Unesp Botucatu.
Em 9 de novembro, acontecerá a 1a Jornada Dermatológica, que contará com os doutores Silvio Marques, Mauro Enokihara e Helena Müller. Reservem as datas em suas agendas!”, convida o chefe do Serviço, Samuel Mandelbaum.

 

Na foto, estão residentes e preceptores do Serviço de Dermatologia da Santa Casa de São José dos Campos com o Prof. Dr. Nelson Proença

 


6 de agosto de 2019 0

JSBD – Ano 23 – N.03 – 04

No mês de maio o Serviço de Dermatologia da Universidade de Taubaté recebeu o certificado de recredenciamento da SBD para o período de cinco anos, e com autorização de ampliação para cinco vagas anuais na residência. Ainda em maio, foi realizada a 88a Reunião Científica da Unitau, com a participação do Prof. Nilton Di Chiacchio, que ministrou o curso teórico e prático sobre cirurgia das unhas, e a 22a Jornada Dermatológica da Unitau, com a presença da Profa. Dra. Helena Müller, discutindo lâminas, e do Prof. Dr. Mauro Enokihara, da Unifesp, debatendo sobre o dez casos clínicos apresentados pelos residentes do Serviço. Cinquenta médicos dermatologistas de toda a região participaram dos encontros no Hospital Municipal Universitário de Taubaté.
 

Na foto, estão os residentes e assistentes da Universidade de Taubaté junto com o vice-presidente da SBD, Mauro Enokihara, e da dermatologista Helena Müller em frente à histórica capela do Hospital Municipal Universitário de Taubaté

 





SBD

Sociedade Brasileira de Dermatologia

Av. Rio Branco, 39 – Centro, Rio de Janeiro – RJ, 20090-003

Copyright Sociedade Brasileira de Dermatologia – 2021. Todos os direitos reservados